Curso de Graduação em
Ciência e Tecnologia de Laticínios

Informações do Curso

O curso possibilita uma formação multidisciplinar, com conteúdos de ciências básicas, ciências aplicadas e gestão de pessoas e de projetos, configurando um perfil de egresso com formação sólida, com grande capacidade multiplicadora do conhecimento técnico e científico. Os egressos do curso atuam em indústrias de leite e derivados, nas diferentes regiões do Brasil, como multiplicadores de conhecimento técnico e científico, o que é fundamental para a evolução da indústria, uma vez que não há cursos de formação básica de operadores para indústria de laticínios.
O Departamento de Tecnologia de Alimentos da Universidade Federal de Viçosa tem buscado a integração ensino e prática industrial por meio de parcerias com a iniciativa privada, que permitem nortear a formação profissional em consonância com as necessidades e a realidade da indústria de laticínios.
O reconhecimento do profissional formado em Ciência e Tecnologia de Laticínios pode ser comprovado por meio de sua atuação na indústria de produtos lácteos em todos os Estados da Federação. Hoje, em torno de 90 % dos egressos do curso iniciam a carreira profissional após o estágio supervisionado obrigatório no final do curso.
A Universidade Federal de Viçosa possui 200 docentes que trabalham em diferentes departamentos envolvendo estudos em toda a cadeia produtiva de lácteos. São realizados projetos de pesquisa envolvendo aspectos de ciência, tecnologia e engenharia, desde o manejo do animal até o mercado consumidor de leite e derivados. Na área de zootecnia, os projetos envolvem estudos avançados sobre a influência da alimentação na produtividade e na qualidade da matéria-prima leite. Na área de microbiologia, vários estudos são realizados contemplando desde questões relacionadas à segurança microbiológica de lácteos até a biodiversidade de microrganismos necessária à fabricação de produtos diferenciados, tais como os queijos artesanais.
Na área de ciência de leite e derivados, pesquisas são conduzidas visando a determinação de parâmetros físico-químicos e microbiológicos para a promoção de um conhecimento do ponto de vista fundamental e de aplicação tecnológica do mesmo. Como exemplo cita-se a otimização de formulações e processos envolvendo as mais atualizadas tendências na área de lácteos, entre as quais separação e purificação de proteínas e peptídeos e aplicação da nanotecnologia para veiculação de moléculas de interesse e para aplicação em embalagens de produtos lácteos.
No contexto mercadológico, vários estudos têm sido realizados com ênfase no comportamento do consumidor, visando o conhecimento das demandas que irão guiar a Pesquisa, o Desenvolvimento e a Inovação para a indústria de laticínios. Além disso, projetos contemplam a avaliação de viabilidade técnico-econômica de indústrias do setor lácteo, incluindo a avaliação socioambiental de tais projetos.
As questões nutricionais, envolvendo leite e derivados, também têm sido alvo de pesquisas na UFV, com projetos englobando a fortificação, acréscimo de nutrientes, compostos bioativos e/ou funcionais que são tendências atuais na área alimentícia.
Desta forma, fica evidente que o aluno de Ciência e Tecnologia de Laticínios tem acesso, durante a sua formação, a diversas áreas de pesquisa na área de lácteos, estando em contato com as mais recentes descobertas do setor.
Em se tratando da área de extensão universitária, o Departamento de Tecnologia de Alimentos, no qual o Curso de Ciência e Tecnologia de Laticínios está inserido, é reconhecido pelo número de projetos em parceria com grandes atores do cenário lácteo, transferindo o conhecimento técnico-científico para as diversas indústrias do setor, tais como empresas de ingredientes, embalagens, produtos de higienização e processamento de leite e derivados. Além disso, a instituição também é difusora de conhecimento para as micro e pequenas empresas e propriedades rurais da região da Zona da Mata mineira, contribuindo para o desenvolvimento regional, bem como para a melhoria da qualidade do leite produzido.
Enfim, é importante ressaltar que o Curso de Ciência e Tecnologia de Laticínios integra, por meio das ações descritas acima, o ensino, a pesquisa e a extensão, promovendo uma formação completa e atualizada do futuro bacharel.

SAIBA MAIS SOBRE A UFV

Equipe de Desenvolvimento Web/UFV - 2013 - Mantido com Wordpress